Lista de Convidados

Vocês decidiram casar e a primeira coisa que querem fazer é a lista de convidados. Na verdade, essa é uma ótima decisão, pois é a partir daí que vocês saberão que tipo de casamento podem oferecer. Mesmo que você e seu noivo façam cada um a sua parte, essa será uma missão nada fácil.

Na hora de juntar todos os nomes, vocês vão notar uma infinidades de pessoas, familiares, amigos, colegas de trabalho, de infância, enfim. A ideia inicial era não deixar ninguém de fora, mas quando vocês forem pesquisar os possíveis locais para a cerimônia, vão perceber que não tem condições de arcar com os custos para tantos convidados. E agora? O que fazer? Não se preocupe, vamos mostrar algumas dicas sobre como organizar uma lista de convidados bem eficiente.

POR ONDE COMEÇAR?

Primeiro, defina que tipo de cerimônia vocês pretendem fazer. Para casamentos mais íntimos, Invista em festas menores. Os mini weddings, por exemplo, estão na moda e aceitam no máximo 100 pessoas. Agora se seu orçamento for um pouco mais elevado, não tem problema convidar mais gente e permitir a entrada de alguns acompanhantes.

PRIORIZE OS AMIGOS MAIS PRÓXIMOS

convidados de casamento

Sabemos que é comum os casais terem um grande número de amigos, mas se você não vê a pessoa há mais de um ano, não existe tanto motivo para chamá-lo para o casamento. Pense nos amigos mais presentes nesse momento de sua vida e deixe um pouco de lado aquelas pessoas que já não entram em contato faz tempo.

COLEGAS DE TRABALHO

Esse tópico é sempre um dilema. Você não tem a obrigação de convidá-los. A menos que todos ou algum deles façam parte da sua vida fora do escritório. No entanto, não esqueça uma regra simples: se não for chamá-los para o casamento, evite falar sobre o assunto no ambiente de trabalho para não gerar expectativas. O mesmo vale se você pretende convidar apenas algumas pessoas, pois pode acabar ficando chato se um outro colega que não foi chamado ficar sabendo do assunto.

PARENTES

Como o casamento é uma comemoração íntima, também não existe uma obrigatoriedade de convidar todos os familiares. Se eles não tiverem uma convivência direta com vocês, não precisam ter prioridade na lista. Uma dica – além de seguir pelo convívio – é o grau de parentesco. Primeiro, pai e mãe, depois, avós, primos e tios, e – por último – cunhados e parentes de segundo grau.

Em relação aos convidados dos pais dos noivos, é bom determinar um número de pessoas que eles vão poder chamar. É claro que os pais normalmente querem espalhar aos quatro ventos que seus filhos estão casando, mas é preciso dar um limite, senão a conta pode ficar alta.

ACOMPANHANTES

festa de casamento convidados

Se você for chamar um casal que tem uma família extensa, chame apenas o casal e coloque no convite a especificação como: Sr. e Sra. Fernandes. Assim, entenderão que o convite não está estendido à toda a família. Porém, é uma gentileza dar um convite extra para quem não terá conhecidos no evento, assim a pessoas não ficará sozinha.

DICAS EXTRAS

Faça e refaça a lista quantas vezes forem necessárias. Às vezes, começamos colocando os nomes de algumas pessoas, mas de repente – por alguma situação no decorrer do tempo – você decide desconvidar a pessoa. Por isso, é importante não anunciar logo de cara para a pessoa que ela está convidada.

Deixar o lado emocional de lado também é essencial. É muito difícil para a maioria dos casais deixar, mas se você não colocar a racionalidade nesta hora, você provavelmente vai se assustar com a quantidade de convidados no seu casamento.

Você tambem pode gostar

0 Comentários

  1. Não há comentários, seja o primeiro a comentar.

Deixe um comentário